Diamantina, .



Declare sua solidariedade

PARTICIPE

 

.: GRANDIOSA APRESENTAÇÃO NA CATEDRAL E NO SEMINÁRIO

sem imagem

As primeiras Cantatas de Natal, da parceria Colônia Diamantina e PMMG, como sempre ocorrem em Diamantina. Estas foram realizadas nos dias 29/11 e 30/11, na Catedral e na Basílica Sagrado Coração de Jesus respectivamente.

O público recorde em ambos os locais, vivenciou grandes emoções nas duas Cantatas. Desta feita fomos acompanhados pela Orquestra Sinfônica da Polícia Militar de Minas Gerais, tendo como regente o competente Maestro 1º Tenente Antônio Vicente Soares quefez um belíssimo trabalho,juntamente com oSpalla da Orquestra, o 1º Tenente Marco Aurélio Araújo Lacerda.

Todos os relatos de abertura, apresentação e encerramento ficaram a cargo da querida diamantinense Terezinha Lopes Machado que, com bela dicção e entonação de voz,abrilhantou o evento.

Tudo aconteceu como planejado, dando uma demonstração de como a Colônia Diamantina se prepara para este momento maior de sua programação. Suplantando as expectativas, o esmero e carinho de cada membro, imbuído da vontade de fazer o melhor, mostra uma Colônia afinada e afiada com seus objetivos. A apresentação realizada na Catedral se impõe pela sua grandiosidade envolvendo a todos num misto de fé e de grandes realizações espirituais. O calor humano da apresentação no Seminário nos encanta cada vez mais. O acolhimento do Padre Paulo na Catedral e do Padre Nilzo na Basílica Sagrado Coração de Jesus, foi marcante pelo carinho e amor demonstrados, festejando por antecipação a data da chegada do Menino Jesus. A presença das crianças da APAE e da Casa Lar foi deu um novo colorido de emoção ao nosso trabalho.

Muitas alegrias, comemorações e cumprimentos se fizeram notar entre os membros da Colônia e as pessoas que presenciaram as apresentações.

Na oportunidade a Colônia Diamantina fez uma bela viagem à saudosa terra, levando tanto os coristas como também turistas paraconhecerem Diamantina. Todos voltaram felizes, prometendo voltar para as Vesperatas e Cantatas, envolvidos pela grandeza da musicalidade de nossa amada terra.

MOTIVAÇÃO FILANTRÓPICA:

Na manhã do dia 29, muitos membros da Colônia Diamantina reuniram-se no Pão de Santo Antônio onde, com o apoio da Banda de Música do 3º Batalhão e do Corpo de Bombeiros (ambos da PMMG) e sob o comando do Tenente Coronel João Carlos Mesquita de Morais,do Maestro da Banda o Tenente Everson e do Comandante do C.Bombeiros em Diamantina, Tenente Paulo César que também prestigiaram o evento, a Colônia iniciou o desfile em viatura que conduziu Papai Noel, capitaneada por batedores,por um trajeto que seguia do Rio Grande ao Largo Dom João.

Além das doações para o Pão de Santo Antônio,o carinho, a música e o amor levado aos velhinhos emocionaram a todos. Foi uma festa de fraternidade Cristã.

Do Pão subimos até a praça do mercado com dois figurantes vestidos de Papai Noel, distribuindo balas, pipocas e guloseimas diversaspor onde passava o cortejo de carros que seguia a viatura. Com faixas empunhadas por membros da Colônia, convidamos o público em geral para as Cantatas. Enquanto isto, a Banda de Música do 3º Batalhão seguiu para o Bairro Cazuza onde,com muito carinho e alegria fizemos uma bela festa para as crianças daquele bairro distribuindo balas e guloseimas. Estavam vestidos de Papai Noel nossa querida Ermelinda M. S. Rocha e Marcos Aurélio da Silva.

Em seguida, o cortejo foi levar apoio, alimentos,roupas e muita alegria às crianças da Casa Lar e Casa Mel, aos velhinhos do asilo Frederico Ozanam , à Associação Santa Casa, Epil,  Hospital Nossa Senhora da Saúde, VEM e Casa da Criança Maria Antônia.

Tivemos também a felicidade de poder repassar ajuda financeiraà APAE, contribuindo com seu esforço de fazer frente às suas despesas.